Ijó Mimó



Ijó Mimó

Ayrson Heráclito
Brasil, 2019

SERVIÇO

03 a 08 de maio
13h às 18h
MAM – Segundo piso do Casarão (Exposição Encruzilhadas)

SINOPSE

Com criação e direção geral do artista visual Ayrson Heráclito, a performance IJÓ MIMO. Concebido além da iconografia das danças dos orixás, aborda e valoriza poeticamente seus sentidos mais profundos, traduzindo livremente seu repertório de gestos sagrados. Ou seja, a fluidez de Oxum, a força de Ogum, os ventos de Yansã.

 

Tendo como intérpretes os bailarinos baianos Inaicyra Falcão, Negrizu Santos e o sacro/percussionista e também músicos baianos Iuri Passos e Kabo Duca, desenvolvem ao longo do ato uma breve e livre interpretação de suas corporeidades de forma singular na expansão de suas linguagens. A música composta para a performance mergulha no universo do virtuosismo do jazz tendo como suporte os ritmos sagrados da matriz religiosa Nagô/Youruban dialogando com os bailarinos e transitando por nuances e timbres ancestrais.

 

Texto de Diane Lima (Hagar Online)

image_6487327 (2)
image_6487327

Sobre Ayrson Heráclito

Ayrson Heráclito Novato Ferreira (Macaúbas, Bahia, 1968). Artista visual, performer, professor e curador. Trabalha o corpo com elementos de referência ritualística, principalmente do candomblé, como dendê, carne, açúcar e sangue, buscando relacioná-los ao patrimônio histórico e arquitetônico ligado ao comércio escravista.

mam-ipac-secult-gov-2-1
regua-de-marcas-vivadanca1024_C